segunda-feira, 21 de julho de 2014

(SO)R(RISO)

Encanta e desencanta
Com palavras que ecoam
Em meu coração
Apostei que seria sua
Na singeleza do seu toque
Me entrego, não nego
Te abraço e me entrelaço
Em busca do seu cheiro
Te arranco um riso
Sorriso bobo
De amolecer corações
Perco as horas em seu calor
Tenho a eternidade em segundos
Nesse doce amor.


LUA

O modo como fala
O cheiro
Seu olhar pousando em mim
Não sei, encanta

O toque dos lábios
O carinho suave
Queria te eternizar
Além de aqui dentro

Das cinco, três são iguais
Com LUA escrevemos nós
Aos poucos desatando nós
Nos libertando a sós.

INVERNO

A vontade de fazer renascer
E a coragem de querer estar com você
Em meio a essa frieza em que se encontra
Por sorte sua e culpa minha
Tenho resistido e insistido
No inverno que é você.

terça-feira, 15 de julho de 2014

PREVISÃO

Pensei em um "nunca mais"
Mas finalmente aconteceu
Vou aproveitando cada instante
Distante, no seu tempo
Sem ilusões, sem promessas
Sem entender, nem saber
Só aproveitar e viver
Os segundos restantes de você.


ABISMO

Sempre atrás
Dando um passo
Após o seu
Mais seguro
Olhar com seus olhos
Prever o futuro
E recuar quando for abismo.

segunda-feira, 7 de julho de 2014

DIZER

Escrevo um livro
Uma carta
Um conto
Um poema
Escrevo versos
E frases descabidas
Só pra dizer que te amo.

(ENTRE)GA

Venha sem joguinhos
Sem manipular
Vem pra se entregar
Se relacionar
Sem pensar
Renasça respirando
Apenas meu ar

Vem de peito aberto
Sem medos, receios
Sem barreiras, escudos
Vem querendo viver
Que sua prioridade
Seja ser feliz
E não se defender.